O governador Ricardo Coutinho está desde ontem à noite em Curitiba para onde foi com a agenda específica de visitar o ex-presidente Lula, preso por ordem do juiz federal Sérgio Moro. Outros nove governadores são esperados nesta quarta-feira na capital paranaense. Ricardo Coutinho tem sido autor da iniciativa de convocar e levar os governadores à visita ao ex-presidente.

Até o início da manhã, os governadores não sabiam como vai se comportar a Justiça Federal para permitir a visita das autoridades constituídas do Brasil a Lula.

Trata-se de situação inusitada porque há limite no número de visitas mas, em tese, não há como impedir a presença de autoridades constituídas para um ato espontâneo de solidariedade.

WSCom