A Prefeitura de Amparo, por meio do Departamento de Atenção Básica de Saúde da Secretaria Municipal de Saúde vem a público para expressar os parabéns e homenagem de reconhecimento e gratidão ao importante trabalho que é feito diariamente pelas nossas equipes de Agentes Comunitários de Saúde (ACS).

É indispensável o serviço desses profissionais para o sucesso da Estratégia em Saúde da Família e na prevenção e acompanhamento de doenças crônicas e degenerativas.

Muitas vezes esses profissionais enfrentam sol quente e adversidades, mas exercem o seu papel de orientador.  Pois, no âmbito da saúde, só eles conhecem de perto a realidade e a intimidade das famílias.

Uma homenagem do Prefeito Inácio Nóbrega, vice-prefeito Flávio Messias, da Secretária de Saúde Verônica Rafael e do Coordenador de Atenção Básica Elvis Bruno, parabenizando e agradecendo a esses profissionais que colaboram para que a saúde em nosso município ofereça carinho e dignidade aos seus usuários.

Dia do Agente Comunitário de Saúde

O dia do Agente Comunitário de Saúde é celebrado anualmente dia 4 de outubro.

O agente comunitário de saúde é um profissional que faz a ligação entre a comunidade e as unidades de saúde. A Lei n°10.507, de 10 de julho de 2002, regulariza a profissão.

Origem do Agente Comunitário de Saúde

A criação dos ACS tem sua origem no estado do Ceará quando foram criados em 1987. Na época, o objetivo era reduzir a mortalidade infantil, dar uma alternativa de trabalho às mulheres e, principalmente, estender o direito à saúde a todos os cidadãos daquele estado.

Rapidamente, o governo federal incorporou a ideia ao Programa de Agentes Comunitários de Saúde (PACS), em 1991.

Para ser um ACS é preciso ter o ensino fundamental completo, ser maior de 18 anos e ser aprovado num concurso público estadual ou municipal. Obrigatoriamente, o ACS deverá residir ao menos dois anos na microárea onde atuará.


Num país tão grande e problemático como o Brasil, os Agentes Comunitários de Saúde são fundamentais. Afinal, eles são responsáveis por:
  • Visitar as famílias de sua microárea e assim detectar doenças;
  • Ensinar normas de higiene;
  • Orientar as famílias sobre os serviços de saúde disponíveis;
  • Acompanhar o tratamento médico daqueles que necessitam;
  • Desenvolver atividades de promoção da saúde junto à população e ao lado de outros profissionais.


Amparo Ligado