Drº Augusto e Drº Junior ingressaram com ação criminal após divulgação de áudios com difamações em redes sociais

Em menos de algumas horas após divulgação dos áudios das agressões, o candidato a Prefeito de Ouro Velho, Dr. Augusto Valadares (DEM) e o médico Dr. Júnior, ingressaram com uma Ação Criminal nesta tarde contra o Sr. José Thomás Édson, o popular “Tomás de Sainha”, por divulgação de áudios que configuram calúnia, injuria e difamação em redes sociais.

Segundo a assessoria jurídica do candidato e médico: “nossos clientes foram agredidos em redes sociais e grupos de aplicativos de mensagens, orientamos a não rebater nada e procurar os meios judiciais”.

O processo tramita na Vara Criminal de Sumé, sob número 0800848-67.2020.8.15.0451 e Thomás, caso condenado, poderá pegar até 02 (dois) anos e 6 (seis) meses de prisão e pagar multa de até 30.000,00 (trinta) mil reais. 

O réu é casado com Sainha, ex-secretária de agricultura, e cunhado do atual vice-prefeito Ike, rompido com o grupo da situação, que apoia nessa eleição a candidata a Prefeita Irmã Paula, e tio da candidata a vice-prefeita, Professora Camila.

Seguem os dados do processo para qualquer interessado verificar a autenticidade dos fatos alegados.

Divulgação

Postar um comentário

0 Comentários