Firmes e Constantes, por Abdias Campos


A constância e a firmeza terminam por nos fazer abundantes na obra do Senhor. Viver a vontade de Deus com entendimento nos fará desaguar naturalmente naquilo que é útil, porque o que ouvimos do Senhor Jesus, e dEle aprendemos, praticamos, e a prática da Palavra resulta no trabalho do Senhor que jamais será vão.

“Portanto, meus amados irmãos, sede firmes e constantes, sempre abundantes na obra do Senhor, sabendo que o vosso trabalho não é vão no Senhor” (1Coríntios 15.58 | ARC).

Quando buscamos o Senhor de todo o nosso coração, nós O encontramos e Ele estende a Sua mão para nos ensinar. Ao aprendermos dEle, recebemos a incumbência de levar a outros o que aprendemos e a obra não para nem sofre atropelos.“E estendeu o Senhor a mão, tocou-me na boca e disse-me o Senhor: Eis que ponho as minhas palavras na tua boca” (Jeremias 1.9 | ARC). A Palavra de Deus em nossa boca não é para silenciar, mas para fazer-nos falar aos ouvidos que necessitam escutar a mensagem de Cristo Jesus, nosso Senhor.

Para isso, não podemos permitir que nenhuma barreira se ponha diante de nós como intransponível, porque a ordem do Senhor é agir. “Mas passareis o Jordão e habitareis na terra que vos fará herdar o Senhor, vosso Deus; e vos dará repouso de todos os vossos inimigos em redor, e morareis seguros” (Deuteronômio 12.10 | ARC). A terra do evangelho é a nossa herança, a qual passamos a possuir, na qual devemos viver, da qual devemos cuidar para que os que estão fora venham habitar nela. No evangelho, repousamos seguros, livres de todos os inimigos em redor.

“Por que temerei eu nos dias maus, quando me cercar a iniquidade dos que me armam ciladas?” (Salmo 49.5 | ARC). Não temeremos as ciladas do diabo. Motivo algum pode impedir nossos passos de prosseguirem, firmes e constantes, no realizar da obra redentora do Senhor Jesus. Não cabe ouvir o profeta velho, não vale a pena voltar para comer pão em sua casa (1Reis 13.11-34), não se pode deixar de atender a voz de Deus e escutar a voz de homens. O caminho é sempre para frente, o alvo é Jesus. Amém.

Na alegria do Senhor, que é a nossa força,

Abdias Campos, servo do Deus vivo

Postar um comentário

0 Comentários