A confiança em Deus gera esperança em nosso coração, a esperança fundamentada na Palavra gera fé e a fé realiza a obra. Agindo como Deus manda, alcançamos o que Ele promete. Confie no Senhor e espere nEle. O que Ele lhe disser se realizará. Há um ciclo que deve ser completado desde a promessa ao resultado dela, um processo que tem início, meio e fim, culminando com a vitória, porque Deus só nos promete vitória. Comece já reorientando a sua alma a não ficar abatida; sim, fale com ela. Abra a boca e fale deste jeito:

“Por que estás abatida, ó minha alma, e por que te perturbas dentro de mim? Espera em Deus, pois ainda o louvarei. Ele é a salvação da minha face e o meu Deus” (Salmo 42.11 | ARC).

Ora, diga para a sua alma que Deus é o seu Deus e que Ele livrará a sua vida do mal. Mande-a esperar no Senhor. Ordene a ela, com autoridade, que não esteja abatida. E o processo segue para o fechamento do ciclo, culminando com a sua vitória. Mantenha a esperança ativa, pois ela tem mais coisas a fazer.

“Mas os que esperam no Senhor renovarão as suas forças e subirão com asas como águias; correrão e não se cansarão; caminharão e não se fatigarão” (Isaías 40.31 | ARC).

Perceba que os que esperam no Senhor renovam as suas forças – “Mas os que esperam no Senhor renovarão as suas forças” – a força do seu interior, o seu ânimo, a sua disposição em continuar vívido na caminhada da vida. As forças renovadas tornam-se novas, vigorosas pela esperança límpida e eficaz no Senhor. O passo seguinte é subir: subir rompendo as dificuldades sem considerá-las, subir com asas como águias – “E subirão com asas como águias”. A águia voa para cima durante a tempestade até atravessá-la; vence a adversidade e descansa, plainando no ar mais leve e agradável. Forças renovadas não permitem almas abatidas; pelo contrário, “correrão e não se cansarão; caminharão e não se fatigarão”. Diga à sua alma que ainda há muitos louvores a serem prestados ao Senhor – “Pois ainda o louvarei”.

Durante o processo de construção da conquista até o fechamento vitorioso do seu ciclo, o Senhor estará cuidando de você, guardando a sua alma e conservando-a livre do mal. Ele guarda a entrada e a saída da sua vida, desde o início até sempre.

“O Senhor te guardará de todo mal; ele guardará a tua alma. O Senhor guardará a tua entrada e a tua saída, desde agora e para sempre” (Salmo 121.7-8 | ARC).

A esperança é a planta desse ciclo e não deve ser perdida. Todas as etapas da construção têm o seu tempo nas mãos de Deus, conforme a Sua vontade já conhecida nas Escrituras Sagradas. “Amado, desejo que te vá bem em todas as coisas e que tenhas saúde, assim como bem vai a tua alma” (3João 1.2 | ARC). O desejo de Deus representa a Sua vontade, a qual se cumpre. Essas etapas podem ser concluídas em minutos, horas ou dias. Entretanto, não largue a planta, que é a esperança, até a conclusão do ciclo.

“Quem perde a esperança entristece o coração, mas o desejo alcançado é árvore de vida” (Provérbios 13.12 | VFL). A conservação da esperança é feita em ouvir e guardar a Palavra de Deus para que o coração emita o que está dentro dele. A esperança geradora de motivação cumpre o desejo do seu coração e se faz árvore de vida, que lhe dá frutos de vida, bons frutos sempre.

Então, você declara: “A minha porção é o Senhor, diz a minha alma” (Lamentações 3.24a | ARC).

Deus lhe responde: “Viste bem, porque estou atento para que a minha palavra se cumpra” (Jeremias 1.12 | A21).

Por fim, todos confessam: “Grandes coisas fez o Senhor por nós, e, por isso, estamos alegres” (Salmo 126.3 | ARC).

“PORQUE FIEL É O QUE PROMETEU” (Hebreus 10.23b | ARC). Maravilhosas bênçãos se aproximam, grandes coisas estão chegando. Aleluia. Glória ao Senhor Jesus. Amém.


Na alegria do Senhor, que é a nossa força,

Abdias Campos, servo do Deus vivo